Monthly Archives: janeiro 2017

  • -

Hospital SMH promove I Workshop de Tratamento de Feridas em Petrópolis

Category : Saúde

Objetivo é alinhar conduta entre pacientes, enfermeiros e médicos para alcançar os melhores resultados.

O Hospital SMH Beneficência Portuguesa de Petrópolis promove o I Workshop de Tratamento de Feridas às 19h desta quarta-feira (1º) na sede do Instituto do Coração de Petrópolis, o Incope, que fica no próprio hospital. O evento é gratuito e aberto aos profissionais da área da saúde, mas tem como foco principal os médico e enfermeiros, responsáveis diretos pelos tratamentos dentro das unidades de saúde.

Um dos temas abordados será “Tipos de feridas e suas classificações”. O angiologista Marcus Vinicius Teles Ventura, que integra o quadro de especialistas do Hospital SMH, explica que é importante para o profissional saber fazer essa identificação e, assim, definir o tratamento mais adequado para cada caso.

“Existem diferentes tipos de feridas e diversas possibilidades de tratamento. É fundamental primeiro conhecer a causa do problema para depois tratá-lo”, explica o Marcus Vinicius, acrescentando que os enfermeiros, que fazem a troca dos curativos diariamente em nível hospitalar, são essenciais no processo de cura, já que avaliam a evolução/melhora da ferida junto ao médico.

O médico destaca ainda que uma ferida tratada de forma inadequada pode levar à consequências graves, como uma infecção generalizada.


  • -

NÚCLEO DE CIRURGIAS MINIMAMENTE INVASIVAS

Category : Saúde

HOSPITAL SMH INOVA MAIS UMA VEZ E CRIA O NÚCLEO DE CIRURGIAS MINIMAMENTE INVASIVAS

Simposio no Hospital SMH 2Com o objetivo de investir cada vez mais na saúde de Petrópolis, o Hospital SMH, junto com um competente grupo médico, reúne qualidade, complexidade e resolubilidade para pacientes através de técnicas modernas e equipamentos de alta tecnologia.

2017 promete ser um ano bem promissor para a área da saúde. Pelo menos em Petrópolis, onde o Hospital SMH, junto com um time de conceituados médicos, criou o Núcleo de Cirurgias Minimamente Invasivas. Este conceito cirúrgico do Núcleo abrange diversas especialidades como: cirurgias vasculares, urológicas, ginecológicas, neurocirurgias e cirurgias gerais. Todas elas de média e alta complexidade. Porém, você deve estar se perguntando: “Mas afinal, o que é isso e para que serve?”

Bom, como o próprio nome já indica, as cirurgias são menos invasivas, isto é, menos agressivas, pois são usadas diversas técnicas e tecnologias para que isso aconteça. Com essa técnica menos invasiva, o paciente poderá se beneficiar por ter um tempo médio menor de internação, com menos risco de infecção hospitalar e menos tempo de permanência no CTI (quando há necessidade em cirurgias mais complexas). A agressão ao organismo e ao metabolismo é muito menor, fazendo com que a recuperação seja mais rápida. Essa recuperação precoce permite ao paciente um retorno antecipado às suas atividades, tanto sociais quanto profissionais.

Podemos dizer que o ponto de partida do Núcleo foi em dezembro de 2016, quando o Hospital SMH realizou o I Simpósio de Cirurgias Urológicas Minimamente Invasivas da Região Serrana. A data foi marcada pela realização de diversas cirurgias minimamente invasivas, como as que foram feitas com ureter à laser flexível digital. Foi utilizado também um novo sistema à laser para as cirurgias de próstata e também diversas cirurgias de alta complexidade urológica. O principal objetivo do núcleo do SMH é fazer uso de avançadas técnicas possibilitando a redução das complicações e danos aos pacientes fazendo com que o trauma cirúrgico se torne cada vez menor.

image4Apesar da inauguração oficial do novo Centro Cirúrgico do INCOPE acontecer só em março, as cirurgias do Simpósio foram realizadas lá. O espaço possui quatro salas de cirurgia, uma sala de repouso para recuperação pós- anestésico, Central de Material Esterelizado, aparelhos para cirurgias à vídeo com tecnologia Full HD, equipamentos para cirurgias à laser de próstata e rim, equipamentos para cirurgias de varizes à laser, ultrassom com tecnologia biplanar para guiar procedimentos cirúrgicos e diagnósticos. Além disso, em anexo ao Centro Cirúrgico já está em operação o serviço de hemodinâmica, responsável pelas realizações de cateterismos e angioplastias.

O Núcleo de Cirurgias Minimamente Invasivas já está atuando em todas as áreas citadas e tem como foco facilitar o acesso a diversas especialidades com o que há de mais moderno na medicina, proporcionando ao paciente e seus familiares uma melhor qualidade de vida diante de problemas de saúde. A preocupação com o paciente é integral. Toda a equipe trabalha de forma multidisciplinar para atender e cuidar das pessoas tanto no pré quanto no pós operatório. Esse pioneirismo permite que o paciente não precise mais sair da cidade para buscar tratamentos de tecnologia avançada. Além disso, o Núcleo pretende atender não apenas Petrópolis, mas também toda a Região Serrana e a Baixada Fluminense.


Busque no site